AS GUERRAS SILENCIADAS DA ÁFRICA


*CiNEAB/NEAB/CEA PROMOVEM* 📢

Acontecerá nesta terça-feira, *31 de maio, às 19h*, uma roda de conversa em alusão ao Dia da África, comemorado dia 25 de maio, cujo tema será *“As guerras silenciadas da África”*.

O intuito do evento é voltar o olhar para os acontecimentos no continente africano, que pouco é divulgado ou não chega a existir, em detrimento à guerra que ocorre entre a Rússia e a Ucrânia há mais de um mês. As notícias acerca da guerra já predominou a maioria dos canais noticiários desde que se iniciou, dando ênfase, principalmente, ao quantitativo de mortos e feridos na Ucrânia, a demonização e declarações da retirada do presidente russo. Nesse sentido, não se vê em nenhum dos canais da rede aberta notícias sobre a África, no que diz respeito às guerras que lá existem e devastam muitas comunidades assim como as pessoas. Olhar da mídia para o continente africano é preterido e marginalizado em relação aos países da Europa/Eurásia e, buscamos, com essa roda de conversa trazer estudiosos que se debruçam acerca do tema e elucidar um pouco mais sobre essa problemática.

O evento é gratuito, promovido pelo CiNEAB Comunitário, o Núcleo de Estudos Afro-brasileiros da UFPE (NEAB/UFPE) e a Coordenadoria de Estudos da África (CEA/UFPE) e as inscrições já estão abertas. Será através da plataforma Google Meet e o link enviado horas antes do evento para o e-mail dos inscritos. Ainda, contaremos com a exibição de um curta, promovido pelo projeto de extensão do Núcleo, o CiNEAB Comunitário, de título “25 de maio, Dia da África”.

🔗 LINK DE INSCRIÇÃO: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSeNxBBm29i9WEgPJiqlfA_riJWM2A6OeEA0KmbYy7lMWjn4uQ/viewform

*Haverá certificação.

Contamos com sua presença em nosso evento.

Divulguem com seus/as amigos/as/es!

SIGAM O NEAB UFPE e o CEA! ✨

#neabufpe

#contineteafricano

#guerrascivisnaafrica

#diadaafrica

#25demaio

#ufpe

#cineabcomunitario

#proexc

JOSUÉ DE CASTRO E O TEMPO PRESENTE: experiências de pesquisa no campo da História


Esta obra é resultado das pesquisas desenvolvidas no âmbito do PIBIC-UNICAP a partir do Projeto intitulado: Entre homens, rios e caranguejos: um estudo sobre as representações da cidade do Recife na obra de Josué de Castro (1932-1967). Este projeto de pesquisa propôs estudar ao longo dos quatro últimos anos as narrativas produzidas por Josué de Castro sobre a cidade do Recife, procurou analisar quais foram as problemáticas, as cartografias e as representações do Recife em sua obra. O recorte cronológico proposto possibilitou estudar a produção de Josué de Castro desde a publicação do conto Ciclo do Caranguejo (1932), até o romance Homens e Caranguejos (1967).
— Ler em www.editoraolyver.org/josue-de-castro-e-o-tempo-presente/

MAESTRO COMO PROFISSÃO | LIVE MANIA DE HISTORY


Músico profissional e Secretário do Conselho Regional da Ordem dos Músicos do Brasil em Pernambuco. Formado em Regência Coral pelo IFPE (2013). Licenciado em Música pela UFPE (2018). Pós-Graduado em regência de Orquestra pelo SESI de São Paulo (2020), e mestrando em Música e Sociedade pelo PPGM/UFPE (2021).

Músico e fundador do grupo Opus Cerimoniale, especializado em músicas para cerimônias de casamento. Acadêmico efetivo da Academia Escadense de Letras, onde desempenha a função de regente do coral Sebastião Araújo e, professor efetivo de música da Rede Pública Municipal de Tamandaré/PE.

ANTÔNIO MARINHO | O GRANDE POETA POPULAR DO SERTÃO DO PAJEÚ


Inscrevam-se em nosso canal no YouTube e fortaleçam este projeto cultural

%d blogueiros gostam disto: